Header widget area left
Header widget area right

O Sacrifício de Odin

por Lucas Batalha em Artigos

O Sacrifício de Odin

Mitologicamente o surgimento das Runas seria atribuída ao Deus Odin. Ele era um xamã, e como muitos xamãs, de acordo com o mito, Odin submeteu-se à uma experiência de “retorno da morte” para alcançar o “iluminação”.

Outros dizem que ele era apenas um Deus que queria sempre mais conhecimento e por isso, buscou no ritual de auto-sacrifício em busca do mesmo.

  Num dos trechos do poema épico Hámalá (traduzido como “As palavras do Altíssimo”) encontra-se uma descrição de um ritual de alto-sacrifício elaborado por Odin na Yggdrasil (a árvores eixo do mundo e que sustenta os nove mundos). 

Como consta no Hámalá, durante nove dias e nove noites, sem água e sem comida, Odin enforcou-se/ou dependurou-se/ na Yggdrasil, ferido pela própria lança, até conseguir ingressar numa dimensão além do “Mundo dos Mortos” e retornar. 

Ao ser ressuscitado por magia, voltando como  vencedor da maior de  suas provações, trouxe consigo o conhecimento necessário para confeccionar e manipular as runas. Desta forma a criação mítica das Runas está ligada ao sacrifício de Odin. 

Como se estivessem todas as Runas ali, frente aos seus olhos. Ele pegou, capturou os segredos. Com o tempo, foi dado a humanidade esse conhecimento. Mas a busca da verdade sobre as Runas, ainda é estudada!

E você, gostaria de saber o que as Runas de Odin tem para te falar? CLIQUE AQUI e saiba mais!

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Open chat